JavaScript não suportado

 

UFRPE lança edital do primeiro Mestrado Acadêmico na Área de Estudos da Linguagem (PROGEL)

   

O Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem (PROGEL - Mestrado Acadêmico) lança edital de seleção da primeira turma hoje, 09/07,  e vai até 21/07 (domingo), na página da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa (www.editais.prppg.ufrpe.br). O PROGEL irá funcionar na Unidade Acadêmica de Educação a Distância e Tecnologia (UAEDTec), e será presencial. As aulas irão iniciar no dia 15/08, no segundo semestre letivo de 2019.

O público-alvo do PROGEL é constituído, em sua maioria, por alunos do curso de Letras da UFRPE e de outras Universidades Federais e Institutos Federais em todo o Estado de Pernambuco e região Nordeste, além de alunos graduados em áreas afins que tenham o interesse em pesquisas que envolvam os estudos interdisciplinares da linguagem.

O PROGEL apresenta uma área de concentração – “Estudos Interdisciplinares da Linguagem” – dividida em duas linhas.

Área de concentração: Estudos Interdisciplinares da Linguagem

Estudos da relação e interação entre língua, literatura e outras manifestações da linguagem, com foco em questões relativas à sociedade, história e cultura, resultantes de atividades ligadas ao texto, discurso, enunciação, tradições discursivas, manifestações literárias e construção de identidade.

 

Descrição das linhas de pesquisa:

Linha 1 – Análises linguísticas, textuais, discursivas e enunciativas: Estudos sob diferentes perspectivas teóricas (Teoria, Análise e Descrição Linguística, Teorias do Texto, da Enunciação, da Análise de Discurso e da Tradição Discursiva) que tomam a língua, e/ou texto e/ou o discurso e/ou a enunciação como objeto de análise e teorização.

Docentes:

Cláudia Roberta Tavares Silva

Dorothy Bezerra Silva de Brito

Iran Ferreira de Melo

José Temístocles Ferreira Júnior

Renata Barbosa Vicente

Vicentina Ramires

 

Linha 2 – Análises literárias, culturais e históricas: Estudos sob diferentes perspectivas teóricas (Crítica Literária, Pós-colonialidade, Sociedade e História da Literatura) que resultam na produção de pesquisas que problematizam a relação Identidade/Alteridade, Sociedade e Literatura, considerando os processos histórico, cultural e social, através da historicidade do discurso literário; mimesis literária e interpretação da história; o campo literário-artístico e suas instituições.

Docentes:

Antony Cardoso Bezerra

Brenda Carlos de Andrade

Iêdo de Oliveira Paes

João Batista Pereira

Natanael Duarte de Azevedo

A aprovação desse Mestrado Acadêmico representa uma grande conquista para UFRPE e para área dos estudos da linguagem. Com um perfil diferenciado na região Norte-Nordeste, a concepção do curso valoriza a diversidade teórica e a interdisciplinaridade próprias à área de Estudos da Linguagem, com o desenvolvimento de pesquisas relacionadas às análises linguísticas, textuais, discursivas e enunciativas e às análises literárias, culturais e históricas.

A proposta de uma abordagem interdisciplinar em um curso voltado para os Estudos da Linguagem decorre da concepção de que o processo de ensino e aprendizagem ocorre de maneira ativa e integra conhecimentos e saberes contextualmente situados na grande área Linguística, Letras e Artes. Nesse sentido, propõe-se que, no âmbito do ensino, em diversas disciplinas que integram a matriz curricular do PROGEL, o aluno tenha contato com metodologias e abordagens didático-pedagógicas interdisciplinares e possa participar da proposição e do desenvolvimento de projetos que envolvam diferentes disciplinas e, ao final, aplicar os conhecimentos construídos na pesquisa desenvolvida durante o mestrado. 

A opção por um Programa de Pós-Graduação voltado essencialmente para a área de Estudos da Linguagem é decorrente de discussões de um grupo de professores preocupados em criar um Programa com um perfil delineado em função da ascensão que a área de Estudos da Linguagem teve nos últimos anos no Brasil, e do crescente número de professores e pesquisadores envolvidos com a investigação dessa natureza, buscando os possíveis diálogos no fazer científico.

Para mais informações: progelufrpe@gmail.com ou secretaria.progel@ufrpe.br